Blog

Como usar ingressos de cortesia como ferramenta de marketing? Saiba mais!

Como usar ingressos de cortesia como ferramenta de marketing? Saiba mais!

Atrair o volume ideal de pessoas é um dos segredos para o evento ser um sucesso. Ter a participação do público de interesse é benéfico para os produtores e, principalmente, para os patrocinadores. Com maior alcance e exposição, o retorno é obtido conforme o previsto. Para chegar a esse resultado, um dos mecanismos é o ingresso de cortesia.

Criar uma rede de divulgação é fundamental e, para tanto, as entradas gratuitas formam uma excelente ferramenta de marketing. Os efeitos serão obtidos se o recurso for utilizado corretamente, então, é preciso ficar atento.

A seguir, veja como empregar o ingresso de cortesia na divulgação do seu projeto cultural e tire as suas dúvidas!

Entenda o que dizem as leis de incentivo

Antes mesmo de ser uma ferramenta de marketing, a cortesia de entradas é uma obrigatoriedade de algumas leis de incentivo fiscal.

A Lei Rouanet, por exemplo, exige como uma das contrapartidas sociais a democratização do acesso à cultura. Quanto aos preços, há duas obrigações específicas:

  • 50% das entradas devem custar até R$ 225, em média;
  • 50% devem cobrar menos que R$ 75 ou serem gratuitas.

Na gratuidade, a divisão é feita assim:

  • ao menos 10% de entradas gratuitas e com caráter social ou educativo;
  • até 10% de entradas dadas aos patrocinadores;
  • até 10% de gratuidades como forma de divulgação.

Imagine que você realizará um evento com capacidade para 20 mil pessoas. Nesse caso, no mínimo 2 mil ingressos devem ser oferecidos gratuitamente e com caráter social. Paralelamente, no máximo 2 mil podem ser dados a patrocinadores, e a mesma quantia deve ser distribuída pelos produtores.

A lei estadual ProAc SP é semelhante. Se uma das contrapartidas for a gratuidade, é preciso conceder, no mínimo, 10% de ingressos gratuitos. Atender a esses critérios é essencial para ter uma prestação de contas ética e garantir a aprovação do encerramento da realização.

Multiplique sua divulgação nas redes sociais

Dependendo do público, é muito interessante executar divulgações nas redes sociais. Isso aumenta o alcance e a exposição do projeto cultural, o que atrairá, inclusive, novos patrocinadores.

As ações em tais ambientes virtuais possibilitam que mais pessoas saibam e se interessem pelo evento. Ao fazer uma promoção de cortesia de ingressos, é provável que muitos decidam comprar mesmo se não ganharem. Além disso, os contemplados pela ação ainda poderão atrair outros acompanhantes, o que favorece o sucesso de comparecimento. Ninguém vai sozinho a um evento!

Para que a divulgação seja bem-sucedida, é importante que a promoção das cortesias exija uma contrapartida de divulgação dos “concorrentes”: compartilhar o post, marcar amigos, responder a um formulário do patrocinador, entre outras possibilidades. Seja criativo!

Não é necessário realizar a atividade em todas as redes. Em vez disso, é melhor focar nas duas ou três que o público de interesse utiliza com maior frequência. Como resultado, o contato será direto e amplo.

Para elevar o alcance, inclusive, é possível firmar parcerias com digital influencers. Um case bem-sucedido é o do Burlington Sound of Music Festival, que ocorre no Canadá. Com o objetivo de ampliar a consciência de marca, o festival escolheu 10 influencers para que sorteassem cortesias. Em apenas um mês, houve um crescimento de 40% no volume de seguidores e de 23% no uso da hashtag. Como também ajudou a vender mais ingressos, a ação foi considerada um sucesso.

Entregue ingressos de cortesia à imprensa

Para aumentar a exposição de um jeito ainda mais intenso, a distribuição de ingressos de cortesia também pode acontecer para a imprensa. Para ter sucesso, as escolhas têm que ser feitas com cuidado.

A ideia é identificar quais são os veículos de comunicação que falam com o público de interesse e quais são as editorias adequadas. Ao concluir que um jornal é a melhor escolha para uma realização cultural, não basta enviar ingressos para a seção de esportes, por exemplo.

É interessante, inclusive, que as entradas sigam acompanhadas por uma espécie de press release. Em alguns casos, é possível até ganhar uma nota antes da data prevista e fortalecer a divulgação.

Novamente, os influencers têm um papel importante. Dependendo do público que será atingido, é uma boa ideia oferecer ingressos para uma seleção de influenciadores.

O evento canadense Country Thunder Music Festival utilizou uma estratégia desse tipo. Por meio do contato dos chamados microinfluenciadores, a organização conseguiu se aproximar do público-alvo. O resultado? Um aumento de 22 mil dólares em vendas em 3 dias.

Não se esqueça de oferecer cortesias aos patrocinadores

Como você viu, a Lei Rouanet permite que alguns dos ingressos sejam dados a patrocinadores. Mesmo que essa não seja a lei usada para captação, trata-se de uma estratégia muito interessante para atrair a atenção das empresas que podem alocar recursos.

Ao oferecer cortesias para quem apoia o projeto, a marca poderá fazer seus próprios sorteios e aumentar o alcance e o engajamento com o público.

É o caso de um supermercado que distribui ingressos gratuitos ou a chance de participar de um sorteio a cada R$ 500 em compras, por exemplo. Esse é um jeito de expandir a capacidade de engajamento e de atração perante o público, ao mesmo tempo em que o evento é divulgado.

Algumas realizações culturais nacionais já contaram com essa tática. No Rock in Rio 2015, por exemplo, a Pepsi foi uma das patrocinadoras e sorteou quase 1 mil ingressos extras. Muitos foram usados na campanha #PodeSerÉpico, o que ainda gerou conteúdo exclusivo para o canal do YouTube da marca.

Já a rede Mr. Cheney Cookies, em parceria com a Paris Filmes, sorteou cortesias para o filme “O Homem das Cavernas”. Clientes que consumissem mais de R$ 40 ganhavam uma entrada. As notas fiscais acima de R$ 60 davam direito a dois ingressos. Com isso, houve um aumento na exposição do filme e uma ampliação nos resultados da rede durante a promoção.

Como deu para notar, o ingresso de cortesia é uma ferramenta poderosa de marketing se for usado do jeito certo. Para atrair mais público e até novos patrocinadores, utilize esse recurso de maneira estratégica e veja como os resultados podem ser melhores.

E já que o objetivo é otimizar a performance, leia nosso outro artigo e descubra quais são os retornos do marketing esportivo e cultural!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como podemos te ajudar?